35 Imagens Microscópicas de Objetos Comuns 

»

há 2 semanas atrás.

Compartilhe:

imagens microscopicas

O microscópio é um instrumento de longa data usado para ampliar materiais através de uma série de lentes, e esse instrumento veio evoluindo com o passar do tempo até nos proporcionar surpreendentes imagens microscópicas, como essas que você vai conferir. O microscópio nos permite visualizar coisas que são impossíveis a olho nu, com um nível de detalhe imenso. Nas mais diversas áreas esse instrumento possui suma importância, seja na química, física, geologia, biologia, entre outros.

Alguns objetos surpreendem quando observados milhares de vezes mais perto de suas propriedades físicas, mostrando formas que você nem imaginaria. As imagens parecem vindas de outro planeta, mas são coisas bem próximas da gente, das quais temos contato todos os dias. Confira 35 imagens microscópicas de objetos comuns!

Banana

1

Superfície de um disco de vinil

2

CONTINUAR LENDO…

 Iris Grace: Garota Autista de 5 Anos Arrasa na Pintura 

»

há 3 semanas atrás.

Compartilhe:

iris grace

Confira as belas pinturas da garota Iris Grace, uma autista de apenas cinco anos que demonstra muito talento para a pintura. Uma das principais características do autista é a dificuldade de se comunicar, por isso sempre recomenda-se buscar métodos alternativos que ajudem essas pessoas especiais a se expressarem. É isso que faz a garota Iris Grace, pintando lindos quadros onde ela expressa todo seu talento artístico. As crianças com autismo geralmente começam a se comunicar mais tarde, entre 2 e 3 anos, no caso de Iris foi mais tarde ainda, então começaram a praticar terapia com ela. Como parte da terapia para fala, começaram a incentivá-la a pintar, e foi então que sua mãe. Arabella Carter Johnson, descobriu seu talento.

“Então percebemos que ela é realmente muito talentosa e tem uma capacidade de concentração incrível, de cerca de 2 horas cada vez que ela pinta. Seu autismo criou um estilo de pintura que eu nunca vi em uma criança de sua idade, ela tem uma compreensão de cores e como elas interagem umas com os outras.” Revela sua mãe. Os quadros de Iris Grace são vendidos na internet e parte do dinheiro é destinado para apoiar organizações que trabalham com pessoas autistas. Confira um pouco da arte da Iris Grace abaixo! Incrível!

Pintura: Iris Grace

5

15

CONTINUAR LENDO…

 Fatias do Tempo: A Fotografia de Dan Marker-Moore 

»

há 3 semanas atrás.

Compartilhe:

fatias do tempo

Todo mundo já está acostumado a ver lindos vídeos com timelapses do passar dos dias, mas como passar isso para a fotografia? Dan Marker-Moore encontrou a solução com fatias do tempo. De forma criativa e talentosa, Dan fatiou imagens dos diferentes horários do dia e uniu tudo em uma só fotografia, estática. Tudo começou quando o motion designer e fotógrafo queria mostrar a beleza do timelapse no Instagram, mas na época o aplicativo não possuia suporte para vídeo. Então ele teve esse brilhante ideia de separar em fatias do tempo.

O artista passou a fotografar diversos skylines ao redor do América da Norte, capturando o nascer e pôr do sol, muitas vezes passando horas com a câmera na mesma posição. “Gosto de tratar cada fatia de tempo um pouco diferente, e explorar o que funciona para a cena. Muitos delas não dão certo. Na verdade, eu filmo e edito muito, são poucas que funcionam e que eu compartilho. Um aspecto importante para uma fatia de tempo é ganhar uma boa variação de cores no céu. Eu acho que eu apenas comecei a explorar as possibilidades desse design.” Confira as imagens das fatias do tempo de Dan Marker-Moore abaixo!

Fatias do Tempo: A Fotografia de Dan Marker-Moore

Nova York: 38 Fotos - Cada fatia representa 2 horas e 3 minutos

Nova York: 38 Fotos – Cada fatia representa 2 horas e 3 minutos

CONTINUAR LENDO…

 Mulher retrata vidas imaginárias com diferentes homens 

»

há 3 semanas atrás.

Compartilhe:

mulher

A fotógrafa Dita Pepe tirou auto retratos com 30 homens diferentes, fotografando vidas imaginárias com diferentes parceiros ao redor do mundo. A ideia do projeto é retratar como a vida dela poderia ter tomado diferentes caminhos de acordo com o parceiro que ela escolhesse para passar a sua vida, ou pelo menos parte dela. Cada homem acaba influenciando no estilo de vida representado em cada fotografia, ditando o vestuário, local, filhos e outros fatores observáveis. Ela acaba se transformando nos hábitos e identidades de cada um desses homens, criando vidas imaginárias com quem ela fotografa.

O projeto teve início em 1999, com a ideia de examinar a influência da convivência na formação da identidade individual. Ela começou usando amigos e familiares como modelos e posteriormente usou estranhos, visitando diferentes países, pedindo permissão para adaptar-se ao estilo de vida das pessoas fotografadas. Veja as fotos de Dita Pepe e os seus 30 diferentes destinos e parceiros, vidas imaginárias que ela fotografou ao redor do globo. Confira!

Mulher retrata vidas imaginárias com diferentes homens

1

2

CONTINUAR LENDO…

 Qual é o seu Hobby? 

»

há 4 semanas atrás.

Compartilhe:

hobby

O que seria de nós se não tivéssemos Hobbies nesta vida? Eu mesma tenho vários. Mas acho que um hobby MESMO todos nós acabamos por ter um só, é aquela atividade que nos dá um prazer quase orgástico. As vezes ele toma uma grande parte do nosso tempo, isto no mundo ideal. As vezes não. O hobby, é aquela atividade que te tira da rotina, o que te liberta da rotina modorrenta de todos os dias. E na grande maioria das vezes, vale muito a pena investir no seu hobby…por que não trabalhar com isto um dia! Imagine trabalhar com algo que te dê plena alegria e satisfação? (:

Alguns hobbies são bizarros e estranhos, claro! Cada um é cada um. E nem todos eles podem virar uma profissão. Mas é uma grande válvula de escape da rotina amigos! De verdade! Algumas pessoas tem como hobby o aeromodelismo, futebol, maquiagem, pintura, musica…a lista não tem fim! É só escolher.

Pensando nisso, o fotógrafo parisiense Florian Beaudenon idealizou o projeto “Instant Life” que traz uma visão do hobby de cada um em um momento de total solidão. Os cliques são feitos do angulo de cima dos fotografados. Se pararmos para pensar em suas posições, suas roupas, para onde estão voltada suas atenções…nos dá a ideia de que aquelas pessoas estão exatamente onde querem estar. Confortavelmente, fazendo aquilo que lhes dá prazer.

Qual é o seu Hobby?

instant-life-7,huge.1397421140

CONTINUAR LENDO…

 Tadanori Yokoo: O Andy Warhol do Japão 

»

há 4 semanas atrás.

Compartilhe:

3

Você provavelmente nunca ouviu falar de Tadanori Yokoo, mas se você gosta de arte com certeza precisa dar uma olhada nas suas peças. Principalmente se você admira o trabalho do artista pop Andy Warhol. Yokoo começou a executar seus pôsteres na década de 60, com uma tendência psicodélica e pop, influenciada principalmente pelas viagens que o artista fez até a Índia.

“As obras de Tadanori Yokoo revelam todas as coisas insuportáveis ​​que nós, japoneses, temos dentro de nós e fazem as pessoas sentirem raiva e medo. Ele faz explosões com semelhança assustadora, que ficam entre a vulgaridade de shows e painéis publicitários e variam até festas de santuários dedicados à mortos da guerra e os recipientes vermelhos da Coca Cola em Pop Art americana, coisas que estão em nós, mas que nós não queremos ver. ” comenta o autor japonês Yukio Mishima, sobre o trabalho do artista.

O estilo único que o artista usou no seu design gráfico acabou sendo bastante seguido nos EUA, e até hoje as pessoas experimentam com os trabalhos de Tadanori Yokoo. Suas obras fizeram parte de álbuns musicais e cartazes de shows de lendas da música, como Beatles, Miles Davis, Santana, Earth, Wind & Fire e outros. Confira abaixo!

Obras de Tadanori Yokoo

15

CONTINUAR LENDO…

 Recriando Fotos Icônicas com John Malkovich 

»

há 4 semanas atrás.

Compartilhe:

john malkovich

O mundialmente conhecido fotógrafo Sandro Miller realizou um divertido projeto, no qual recriou fotos icônicas com o ator John Malkovich. Embora Sandro e John já se conhecessem desde os anos 90, esse é um dos projetos mais recentes da dupla. O projeto é o “Malkovich, Malkovich, Malkovich”, um ensaio fotográfico onde o ator assumiu o papel de personagens de fotografias icônicas. Sandro elegeu 35 imagens de pessoas que mudaram sua carreira e em seguida ligou para o ator que topou na hora.

“John é a pessoa mais prolífica e brilhante que eu conheço. Seu gênio é incomparável. Posso sugerir um estado de espírito ou uma idéia e dentro de instantes, ele literalmente se transforma no personagem bem na frente dos meus olhos. Ele está tão confiante do meu trabalho e nosso processo … Eu sou verdadeiramente abençoada por tê-lo como meu amigo e colaborador.” Revela Sandro Miller.

Malkovich, Malkovich, Malkovich na verdade é uma homenagem de Sandro Miller para as fotografias que mudaram a sua vida profissional, de grande fotógrafos e grandes personalidades. Como a fotografia de Irving Penn de Truma Capote, Marilyn Monroe fotografada por Ber Sterns, John Lenno e Yoko Ono por Annie Leibovitz e tantas outras. A exibição das fotografias ocorrerá a partir do dia 7 de Novembro, na Catherine Edelman Gallery, em Chicago. Estará lá até 31 de Janeiro de 2015. Confira uma prévia!

Recriando Fotos Icônicas com John Malkovich

5

CONTINUAR LENDO…

 Bad Vibes: Quando Eletrônicos Se Revoltam 

»

há 4 semanas atrás.

Compartilhe:

5

O talentoso motion desginer Michael Marczewski fez um curioso curta metragem animado, chamado “Bad Vibes”. O vídeo, apesar da aparência inocente e infantil mostra algumas vibrações negativas que temos com alguns eletrônicos, como o liquidificador, notebook, geladeira e até controles de videogame. É como se os eletrônicos se revoltassem e preparassem armadilhas para seus donos. O vídeo não possui nada de texto mas as imagens são bastante hipnotizantes, e algumas até causam calafrios.

O trabalho do britânico Michael Marczewski ficou muito divertido, e deixou até gostinho de quero mais. “Bad vibes” possui cores bastante vivas e um visual bem moderno, o motion designer provou que entende do assunto. A trilha sonora é “Killin’the Vibe”, da banca Ducktails. Assiste aí!

Bad Vibes


CONTINUAR LENDO…

 Imagens Manipuladas: De outro mundo 

»

há 1 mês atrás.

Compartilhe:

imagens manipuladas

Você precisa conferir essas imagens manipuladas pelo russo Tebe Interesno. Com muito talento e habilidade no Photoshop, Tebe faz incríveis montagens surreais, com situações que parecem vir de outro mundo. Submarino viajando no espaço, dinossauros habitando solo lunar, animais no metrê e trens voadores estão entre as surreais imagens manipuladas de Tebe.

O trabalho artístico do talentoso russo não envolve o processo de captura da fotografia, mas exige criatividade e domínio de Photoshop na hora de unir tudo que ele encontra. Então digitalmente compor sua arte, aplicando objetos incomuns em lugares incomuns. É o que Tebe tenta conceituar em suas peças. Confira!

Imagens Manipuladas: De outro mundo

6

CONTINUAR LENDO…

 O Novo Clipe do Interpol 

»

há 1 mês atrás.

Compartilhe:

interpol 2

Essa semana saiu o novo clipe da banda de Nova York, Interpol. A música que ganhou o vídeo foi a última faixa do novo álbum da banda, a canção Twice as Hard do álbum El Pintor, lançado também nesse mês. Interpol, aclamada banda independente é um dos fenômenos do post-punk revival do final da década de 90 e continua na estrada até os dias de hoje, independente das mudanças de formação.

Depois de ter os mais recentes discos criticados por fãs e críticas, o Interpol tenta retomar a cena que já foi inflamada no início dos anos 2000. Quatro anos depois do último álbum, eles voltam a produzir novas canções, agora sem o baixista Carlos Dengler. Sem dúvida ele deixa saudades e foi um dos responsáveis pelo sucesso anterior da banda, principalmente no aclamado álbum de estréia deles Turn on the Bright Ligths. Paul Banks, o vocalista acabou assumindo o baixo e Interpol tornou-se agora um trio. Na produção do disco esteve Alan Moulder, que já realizou trabalhos com bandas como Yeah Yeah Yeahs, The Killers e Nine Inch Nails.

Quem dirigiu o clipe foi também o próprio Paul Banks, em um vídeo que transmite bem a atmosfera que o estilo musical do Interpol cria, uma atmosfera melancólica, monocromática e mal humorada. Além do mais, não é sempre que uma última música de um disco ganha um vídeo. Todo clipe foi rodado na academia de boxe Mendez Boxing e mostra atletas lutando e treinando. Assista!

Interpol – Twice as Hard

CONTINUAR LENDO…

 Casamento Inspirado no Super Mario Bros. 

»

há 1 mês atrás.

Compartilhe:

casamento

O game Super Mario Bros. sem dúvida marcou uma geração, sendo jogado por milhares de gamers. Se você é um deles, vai se divertir conferindo esse casamento inspirado no jogo. O responsável pelo projeto de toda a identidade visual é Larry T. Quach, para o casamento de seus amigos Esther Tanouye e Ryan Watkins. O designer montou tudo inspirado no clássico 8-bit.

Além de usar a divertida temática, Larry foi muito criativo e caprichoso para desenvolver o convite, cheio de surpresas como blocos para os convidados confirmarem presenças e até para escolher o cardápio. Além disso Larry fez também lembrancinhas muito divertidas e criativas. Confira as imagens!

Casamento Inspirado no Super Mario Bros.

1

CONTINUAR LENDO…

 Pintura em Miniatura: O projeto de 365 dias de Lorraine Loots 

»

há 1 mês atrás.

Compartilhe:

pintura em miniatura

A artista Lorraine Loots trabalhou em um incrível projeto de pintura em miniatura, no qual ela pintou uma ilustração todos os dias do ano. A artista de Cape Town chamou o projeto de Postcards for Ants, ou Cartões Postais para Formigas, em português. Para fazer essas incríveis mini ilustrações, a artista usa pincéis, lápis de cor, habilidade e muita criatividade, além de um visão e precisão muito aguçada, para pintar em uma área tão pequena.

Lorraine Loots reserva as pinturas para venda em seu website, assim você pode comprar uma data antes mesmo dela pintar. Ela também emoldura as ilustrações para serem comercializadas. Um adorável projeto, com um nível de detalhe impressionante para uma ilustração tão pequena. Confira abaixo algumas das peças da belíssima pintura em miniatura de Lorraine Loots!

3

CONTINUAR LENDO…

 O Doador de Memórias 

»

há 1 mês atrás.

Compartilhe:

doador memorias

O Doador de Memórias é um filme belo. No eco de livros como 1984 e Admirável Mundo Novo trata-se de uma obra que aborda, na essência, o que afinal significa ser humano, ter uma vida completa e gozar do sentimento agridoce de ser livre e ser responsável por suas próprias escolhas. Com uma direção interessante por parte de Phillip Noyce, que apesar de dirigir séries como Revenge e outros filmes como Salt não ser muito conhecido, o filme apresenta imagens belíssimas em vários momentos e toques estéticos que não são muito comuns.

Baseado em um livro chamado The Giver (traduzido como O Doador em seu lançamento e em seguida uma nova edição com o nome O Doador de Memórias) da autora Lois Lowry, publicado pela primeira vez em 1993, trata-se de uma série de quatro livros, onde só primeiro chegou no país. Ganhadora de vários prêmios, Lois Lowry constrói um mundo aparentemente ideal onde não existe dor, desigualdade, guerra nem qualquer tipo de conflito. Por outro lado, também não existe amor, desejo ou alegria genuína.

Os habitantes da pequena comunidade, satisfeitos com suas vidas ordenadas, pacatas e estáveis, conhecem apenas o agora – o passado e todas as lembranças do antigo mundo foram apagados de suas mentes. Porém, uma única pessoa é encarregada de ser o guardião dessas memórias, com o objetivo de proteger o povo do sofrimento e, ao mesmo tempo, ter a sabedoria necessária para orientar os dirigentes da sociedade em momentos difíceis.

Aos 12 anos (idade do livro, no filme creio que seja em torno de 14 anos), idade em que toda criança é designada à profissão que irá seguir, Jonas recebe a honra de se tornar o próximo guardião. Ele é avisado de que precisará passar por um treinamento difícil, que exigirá coragem, disciplina e muita força, mas não faz idéia de que seu mundo nunca mais será o mesmo.
Orientado pelo velho Doador, Jonas descobre pouco a pouco o universo extraordinário que lhe fora roubado. Como uma névoa que vai se dissipando, a terrível realidade por trás daquela utopia começa a se revelar.

O Doador de Memórias – Trailer

CONTINUAR LENDO…

 Phideaux: Para quem gosta de art rock 

»

há 1 mês atrás.

Compartilhe:

phideaux

Phideaux é a banda do multi-instrumentista Phideaux Xavier, que além de ótimo músico também é um roteirista de sucesso na TV americana. Desde o colégio o talentoso artista já tocava em diversas bandas como Sally Dick & Jane, Neck Tie Party, The SunMachine, and Satyricon. Influenciado por ícones da música como Jethro Tull, David Bowie, Pink Floyd, Van Der Graaf Generator, e a a fase inicial de Genesis, Phideaux lançou diversos álbuns de art rock, com influências do progressivo, folk, space rock e rock psicodélico. É meio complicado de definir o estilo musical, porque Phideaux é um tanto quanto eclético, não se limitando a um estilo específico, procurando sempre novas combinações musicais. O tipo de música ideal para colocar os fones, aumentar o volume e entrar na viagem.

Tudo começou em 1992 com Friction, uma compilação de trabalhos de Phideaux com outros músicos, embora não tenha sido muito distribuído, nem é considerado parte da discografia. E só surgiram novidades em 2002, 10 anos depois, quando se reuniu com o baterista Rich Hutchins e lançou o álbum Fiendish, um folk espacial progressivo, como define o próprio Phideaux. Uma das músicas do disco, “Soundblast” usa o texto de panfletos arremessados sobre o Japão após a bomba atômica.

Phideaux retornou em 2004 com Ghost Story, quando Rich Hutchins assumiu a bateria, Mark Sherkus com marcantes solos de teclado e Sam Fenster no baixo. Durante a gravação desse disco, a banda já estava trabalhando em uma épica canção chamada Chupacabras, que seria o próximo disco. Esse que levou a banda a ser mais reconhecida no cenário musical, com uma marcante canção de mais de 20 minutos. O álbum seguinte, 313, de 2006, foi um projeto de gravar um disco em um dia. Seguido também em 2006, por The Great Leap, que é a primeira parte de uma trilogia sobre “a vida em um mundo ecologicamente utópico desintegrando”. A trilogia foi seguida por Doomsday Afternoon, considerado por muitos um dos melhores álbuns da banda, inclusive pelo próprio músico. Esse disco recebeu a colaboração da Orquestra Sinfônica de Los Angeles, e o resultado foi excelente.

Phideaux – Doomsday Afternoon (2007)

Phideaux – Doomsday Afternoon by Vinicius Machado on Grooveshark

“Phideaux é uma banda nascida de várias amizades duradouras e uma apreciação mútua de rock progressivo. Somos refugiados de uma época em que o rock and roll foi contra-cultural e as pessoas se uniram para garimpar uma veia escura da música. Mergulhada com mellotrons, violinos e teclados vintage. Nós amamos power chords, assinaturas complicadas e harmonias intrincadas, mas sempre com melodias que hipnotizam e riffs que invadem sua mente.”

CONTINUAR LENDO…

 Interstellar 

»

há 1 mês atrás.

Compartilhe:

interstellar

Interstellar é o novo filme de Christopher Nolan, diretor de grandes sucessos como a trilogia mais recente de “Batman”, “A Origem”, “Insônia” e “Amnésia”. Dessa vez Nolan vai dirigir uma ficção científica ao lado de um grande elenco, composto por Matthew McConaughey, Anne Hathaway, Jessica Chastain, Bill Irwin, John Lithgow, Casey Affleck, David Gyasi, Wes Bentley, Mackenzie Foy, Timothée Chalamet, Topher Grace, David Oyelowo, Ellen Burstyn e Michael Caine.

E não são só os atores que se destacam nesse lançamento, Nolan reuniu em sua equipe qualificados profissionais da indústria cinematográfica, como o o diretor de fotografia Hoyte van Hoytema de “O Espião que Sabia Demais”, o diretor de arte Nathan Crowley da trilogia “Batman”, a figurinista Mary Zophres de “Caça aos Gângsteres”, o montador Lee Smith também da trilogia “Batman” e de Elysium, o talentoso e renomado compositor Hans Zimmer da trilogia “Batman” e o supervisor de efeitos especiais Paul Franklin de “A Origem” e trilogia “Batman”. Como pode-se notar, esse pessoal já trabalhou junto e deve vir coisa boa.

Para Interstellar, o diretor Christopher Nolan reescreveu o roteiro de seu irmão, Jonathan Nolan, em uma trama baseada em teorias científicas de um físico da Califórna, Kip Thorne, especialista em Teoria da Relatividade, que é um dos consultores do filme. A história narra as aventuras de um grupo de exploradores que usam um “buraco-de-minhoca” no espaço para superar as limitações das viagens espaciais humanas e conquistar vastas distâncias em viagens interestelares. A data de estreia está marcada para 7 de Novembro. Assista o trailer de Interstellar!

Interstellar – Trailer

CONTINUAR LENDO…

Publistorm.com 2014 @ Todos os direitos reservados.